Home

DOIS PROJETOS DÃO ENTRADA NA CÂMARA



Dois projetos passaram a tramitar pelas Comissões Permanentes da Câmara Municipal de Jahu na 26ª Sessão Ordinária. Além disso, foram lidos 24 requerimentos e 6 indicações.




PROJETOS OBJETO DE DELIBERAÇÃO



PROJETO CONSIDERA DE UTILIDADE PÚBLICA A FEBEC

Deu entrada nas Comissões Permanentes Projeto de Lei do Legislativo nº 44/2017, de autoria do vereador José Fernando Barbieri, que considera de Utilidade Pública a "Federação Brasileira de Entidades de Combate ao Câncer - FEBEC".
A FEBEC é uma instituição sem fins lucrativos formada por 54 entidades de combate ao câncer, entre elas grupos de voluntários e hospitais, que trabalham em prol da melhora da qualidade de vida de pessoas que lutam diariamente contra o câncer, dando-lhes todo o auxílio necessário para se tratarem: apoio biopsicossocial.
Em 1996, o Hospital Amaral Carvalho (HAC) tomou a iniciativa de formar ligas de combate ao câncer para auxiliarem no tratamento de pacientes carentes com câncer que por falta de estrutura financeira e psicológica acabavam abandonando seu tratamento. Após dez anos o HAC havia formado mais de cem ligas, e a melhora dos pacientes foi visivelmente significativa. Não restaram dúvidas, essas ligas tinham que continuar se formando para dar assistência aos pacientes carentes. E por cumprirem esse trabalho magnífico também precisavam ser apoiadas e o Brasil conhecê-las, pois muita gente podia carecer da ajuda dessas voluntárias (maioria são mulheres). Foi então que surgiu a FEBEC em 2008.
A FEBEC possui como pilares de atuação: a educação como forma de prevenção; o diagnóstico e tratamento precoces; o acesso ao tratamento; além do apoio biopsicossocial.

PROJETO PREVÊ REPASSE DE CERCA DE 45 MIL REAIS A ENTIDADES JAUENSES


Passa a tramitar pelas Comissões Permanentes da Câmara o Projeto de Lei do Executivo nº 11/2017, que autoriza a Prefeitura a efetivar repasse de R$ 45.640 para Organizações da Sociedade Civil sem Fins Lucrativos. O Termo de Fomento, proveniente de recursos dedutíveis do Imposto de Renda do ano de 2015 para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA), será direcionado às entidades que atendem crianças e adolescentes com projetos de cunho social, cultural, educativo, e para melhoria de qualidade de vida de pessoas com deficiência e apoio às famílias.
Confira os valores dos repasses:
-Pró Meninas Entidade de Amparo: R$ 8.800
-Lar Escola Hilarinho Sanzovo: R$ 4.000
-Associação das Senhoras Cristãs Nosso Lar: R$ 10.440
-Associação de Pais, Amigos e Educadores de Autistas de Jaú: R$ 4.000
-Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Jaú (APAE): R$ 6.400
-Fraterno Auxílio Cristão de Jaú (FAC): R$4.000
-Associação Legião Filantrópica Jauense: R$ 4.000
-Associação de Instrução Popular e Beneficência – Centro Promocional São José (Colméia): R$ 4.000

TRIBUNA CIDADÃ



Carlos Roberto Freire Júnior – Presidente da AMAI (Associação e Movimento de Assistência Ao Indivíduo Deficiente) ocupou a Tribuna da Câmara para falar sobre as dificuldades financeiras enfrentadas pela entidade.
Freire disse que a AMAI atende cerca de 120 pessoas e gasta mensalmente entre 25 e 30 mil reais para manutenção das atividades. Ele pediu o apoio dos vereadores para auxiliarem na arrecadação de recursos para a continuidade da prestação de serviços às pessoas com deficiência.